sábado, 25 de junho de 2005

Patética, eu?


"Eu sou patética".

Isso vem martelando o tempo todo na minha cabeça... Ultimamente tenho me sentido assim.

Tinha jurado a mim mesmo que não postaria nada aqui relacionado a minha pessoa, mas não tive como fugir dos meus pensamentos. Loucos ou não, insanos ou não, reais ou não, eles fazem parte de mim.

Me sinto assim... Falta ação em mim, ao meu redor. Sempre que eu tento fazer algo a vida conspira contra. Por que será? Tento procurar explicações na religião, na psicanálise, até nos programas de venda de produtos na tv, mas o que martela é a palavra patética.

Sabe, sempre me vem na cabeça todas as coisas que eu poderia ter feito diferente. Mesmo não querendo olhar para o passado, não adianta, não podemos controlar nossos sonhos. É sempre a imagem de algo que eu deveria ter feito diferente, algo que eu deveria ter me controlado em dizer ( ou não ), um caminho diferente que eu deveria ter tomado... Sei lá... Acho que quando você está sem ter o que fazer, sem ter com quem falar, sem ter com quem amar, sem ter aonde ir a sua mente começa a ficar fértil demais ( é como diz aquele ditado: mente vazia, oficina do diabo ).

Mesmo colocando na minha cabeça que tudo isso não passa de uma fase ( ruim, claro ) e mesmo tentando buscar alegria para minha vida, eu me sinto meio "para baixo".

Sei que esse não é o melhor final para um post, mas espero ter notícias boas em breve...

3 comentários:

Mistery Mistress disse...

Olá! Bom, vi seu blog no tópico de flogs e blogs do Gothic Castle, então resolvi dar uma olhada ^^
Adorei seu blog, se der passa no meu tb e deixa um comentário!
bjs

TT1 disse...

Bom, eu acho que todos nós passamos por momentos de maré de azar, algumas vezes, mas temos que levantar e seguir em frente, se nao, a subida fica alta demais pra gente conseguir depois.

Fica bem. Beijao!

Ezidio disse...

Me identifiquei contigo, me sinto assim quase sempre, sem ng p/ falar perdido mesmo. como diz o excelente album da sua banda in pieces to de lunar soil. é isso ...